• visioncard

DESCUBRA COMO IDENTIFICAR DOENÇA NOS OLHOS

É preciso ficar atento aos sinais que o corpo apresenta quando algo de errado

acontece com os olhos. As doenças oculares costumam gerar sintomas leves, pouco específicos e que, muitas vezes, passam despercebidos ou são ignorados por longos períodos. Por isso, é muito importante entender um pouco mais sobre cada doença e os

sintomas oculares que elas podem causar — para identificá-los rapidamente e já marcar a consulta com o oftalmologista.

Preparamos uma lista com as principais doenças e como elas podem afetar os olhos:



DIABETES

No caso do diabetes tipo 1, em que a doença surge repentinamente com uma crise cetoacidótica, a visão embaçada pode ser o primeiro sintoma que leva o indivíduo a procurar o médico.

Na maioria dos casos, no entanto, o excesso de glicose no sangue prejudica os microvasos

da retina a longo prazo, provocando um padrão de dano semelhante ao que ocorre nos rins e em outros órgãos. Dessa forma, o exame do fundo de olho permite, de forma não invasiva, o acompanhamento da lesão vascular no diabetes.


HIPERTIREOIDISMO

No hipertireoidismo, ocorre um depósito de substâncias no tecido periocular, o que força os olhos para fora e dá a impressão de um olhar assustado. Além disso pode ocorrer incômodo em ambientes muito iluminados, vermelhidão e dor ocular.



TUMORES

Tumores no nervo óptico costumam provocar redução no campo de visão, prejudicando

a percepção de objetos no canto da vista e favorecendo tropeções/surpresas no trânsito, por exemplo. Já tumores da retina geram um quadro de diplopia (ou visão dupla) no qual o paciente não consegue criar uma imagem nítida dos objetos.


HIPERTENSÃO

Ao examinar um indivíduo hipertenso, o médico pode encontrar pontos de hemorragia, edema, estreitamento e tortuosidade dos vasos. Tudo isso ocorre porque com a doença, os vasos da retina ficam mais contraídos e propensos a alterações. Outra possibilidade é que em momentos de pico hipertensivo, nos quais a pressão ultrapassa os 200 mmHg, um vaso se rompa e gere uma hemorragia subconjuntival com o surgimento de uma mancha de sangue na parte branca do olho.



0 visualização